A indústria automóvel está atualmente a passar por uma transformação significativa em direção à mobilidade elétrica. Com o seu forte compromisso com a inovação e a sustentabilidade, a Hyundai é uma das líderes na corrida da eletrificação. A montadora tem feito progressos no mercado de EV e avançando progressivamente em direção aos seus objetivos de EV.

Julho foi um mês importante para os EVs da Hyundai

Julho revelou-se um grande mês para os veículos eléctricos do fabricante de automóveis, alcançando vários marcos que enfatizaram o seu compromisso com a electrificação. A Hyundai vendeu 66.527 unidades somente em julho, marcando uma variação de 10% em relação às 60.631 unidades vendidas em julho anterior.

O total de veículos elétricos a bateria vendidos pela marca representou apenas 10% das vendas no varejo. Por mais modesto que este número pareça, representa uma melhoria significativa em comparação com anos anteriores. O Hyundai Ioniq 5 estava entre os EVs que estabeleceram o recorde histórico de vendas da montadora.

De acordo com Notícias Hyundai, o modelo Ioniq não vendeu nenhuma unidade em julho de 2023, representando um crescimento de 0% desde julho de 2022. No entanto, o Ioniq 5 teve números de vendas impressionantes, com a Hyundai vendendo 4.135 unidades em julho. Isto representa um crescimento de 109% em relação às 1.978 unidades vendidas no ano anterior, indicando a crescente procura e popularidade do veículo.

O Hyundai Ioniq 6 é a mais nova adição à linha de BEV da montadora e já tem um início promissor, tendo vendido 1.745 unidades em 2023. O modelo não tinha dados de vendas para julho de 2022, resultando em uma variação mensal de 0%.

Outro jogador importante na linha de EV da Hyundai é o Kona, que teve um mês robusto em julho de 2023. De acordo com o comunicado à mídia, o Kona vendeu 6.123 unidades somente em julho de 2023. Isto marca um crescimento notável de 44% em comparação com as 4.235 unidades vendidas no mesmo mês do ano anterior.

Hyundai está investindo muito dinheiro em EVs

A Hyundai pretende estar entre os três principais fabricantes de veículos elétricos até 2030 e a empresa já está a trabalhar em formas de chegar lá. A marca anunciou em abril que planeja investir US$ 18 bilhões na produção de veículos elétricos em meio aos esforços da Coreia do Sul para liderar a corrida global de produção de veículos elétricos.

A Hyundai planeia expandir a sua produção global de veículos elétricos para 3,64 milhões de unidades e a sua produção nacional para 1,51 milhões de unidades. A montadora afirma que, até 2030, sua linha total de EV incluirá 31 modelos, incluindo os de suas empresas irmãs, Genesis e Kia.

A Hyundai planeia usar o dinheiro para promover a sua investigação e desenvolvimento de veículos elétricos. Também planeja revelar uma plataforma de fabricação para cada classe de carro para acelerar o desenvolvimento.

Preparando-se para o futuro mantendo sua base de consumidores com carros tradicionais

A abordagem da Hyundai à sua linha de veículos elétricos reflete um equilíbrio bem pensado entre a preparação para um futuro totalmente elétrico e ao mesmo tempo continuar a oferecer carros tradicionais que os clientes desejam. Isto indica a capacidade da marca de se adaptar a um cenário em rápida mudança. A montadora está adotando proativamente os EVs com uma linha crescente de híbridos, BEVs e híbridos plug-in.

Estes planos alinham-se com a tendência global cada vez mais popular de energia e transportes mais limpos e sustentáveis. EVs como as séries Kona electric e Ioniq não são apenas bons para o ambiente, mas também poupam dinheiro através da redução do consumo de combustível, apelando assim aos clientes eco-conscientes.

A montadora também entende que nem todos os seus consumidores estão prontos para deixar para trás totalmente os veículos movidos a gasolina, por isso ainda atende ao seu mercado tradicional de veículos. A Hyundai continua a atrair os seus consumidores, oferecendo uma gama de carros fiáveis ​​e acessíveis, como o Santa Fe, o Tucson e o Sonata.

Este equilíbrio ajuda a Hyundai a manter a sua vantagem competitiva no mundo automóvel, ao mesmo tempo que mantém o seu mercado automóvel tradicional envolvido e interessado.

Avalie este item

0 / 7

Your page rank:

Deixe Uma Resposta